Pages

domingo, 24 de outubro de 2010

Os olhos amarelos dos crocodilos

Estive a ler durante as últimas 3 horas. Há muito que não tinha esta sede de chegar à última página de um livro. Como já aqui escrevi, comecei sem expectativas. O livro estava no Top da FNAC, da Bertrand, tinha tantas vendas em França e em Espanha que quase desisti de o comprar. Irrita-me um bocadinho esta história das modas dos best-sellers. Trouxe-o porque sim, porque entro na Fnac e tenho de trazer sempre qualquer coisa. A evolução das personagens é fabulosa. Faz-nos parar e pensar, no que somos e no que podemos vir a ser se lutarmos pelos nossos sonhos. Neste livro encontram-se todo o tipo de mulheres. A ambiciosa que não olha a meios para atingir os seus fins, a mãe protectora dos seus filhos, a amante que se quer tornar esposa, a filha que olha a mãe de forma critica. Se ainda não estão convencidos a ler, acrescento Paris, é lá que tudo se passa. Fiquei com vontade de regressar. Mais do que uma história bem contada, este livro levou-me a uma viagem interior, daquilo que sou e daquilo que quero vir a ser. Foi o livro certo, no momento certo. Leiam e depois partilhem a vossa opinião.
SHARE:

8 comentários

Sofia disse...

ainda ontem pedi à minha mãe esse livro como prenda de natal
:)

Merenwen disse...

Não tenho nada para ler e ando a precisar de um livro assim. Se calhar vou comprar mesmo.

Jo disse...

tenho muita vontade de ler esse livro ;)

marie disse...

Também gostei muito e senti exactamente o que descreves-te sobre "a mulher que quero vir a ser", resumindo , levou-me a pensar muito sobre mim e sobre a minha vida! Já estou à espera do outro da mesma autora, não sei quando sai!

Belicious disse...

obrigada pelo post, porque tinha mesmo curiosidade de saber do q trata este livro tão famoso;)

Dina disse...

Comprei-o este fim-de-semana... espero gostar tanto como tu ;)

Poetic GIRL disse...

Estou mesmo curiosa em relação a esse livro, bjs

B. Cérise disse...

Comecei a ler há uns meses e ainda não consegui acabar. Não sei se foi por ter começado a ler no Verão e o livro não ser propriamente light mas fiquei com um bloqueio qualquer à história.
Não costumo ser nada assim e leio de rajada, mas este está difícil de me motivar. Ainda bem que gostaste!

© Feira de Vaidades. All rights reserved.