Pages

terça-feira, 10 de junho de 2008


Eis que elas, sempre lindas e de saltos vertiginosos, voltaram! Não resisti e fui ver logo no dia da estreia. Sim chorei, porque para além da futilidade das roupas e dos sapatos existe o melhor que este e o outro mundo têm : a amizade. Uma amizade que apara todos os golpes e desilusões, que está lá quando nos tiram o tapete. Uma amizade que resiste ao tempo e à distância, aos amores e desamores de cada uma. A melhor cena do filme, aquela em que cedi às lágrimas, foi quando já no México, Samantha dá o iogurte do pequeno-almoço em pequenas colheres à destroçada Carrie. Meus caros, iogurte às colheres só as mães dão aos filhos. Fora isso temos de amar mesmo alguém. E estas quatro amam-se de verdade.O filme é muito mais do que um brinde à série, ou uma comédia romântica. Para lá da vaidade existem grandes lições de vida.
Ps: Adorei! E quero mais...
SHARE:

3 comentários

martitha disse...

também chorei. Está muito giro o filme e faz-nos mesmo pensar na amizade.

Kitty Fane disse...

Eu tb quero mais. :-)

(P.S.- O meu médico tb opera no Hospital da luz, mas em princípio não será lá. )

Anesthetist disse...

Aiii Ritinha!

Sabes que me lembrei de ti...inúmeras vezes durante o filme!!!

Hoje venho aqui...e vejo isto!

Como diz a outra "pikena"...não há coincidências...

Bjos

© Feira de Vaidades. All rights reserved.