Pages

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Se não tivesses medo, o que farias?

Quando há 15 anos li o livro "Quem Mexeu no meu Queijo" guardei para sempre a pergunta:

- Se não tivesses medo, o que farias?

Cada vez que tenho dúvidas procuro a resposta. Vivemos com o medo colado à pele. Medo de falhar, medo de arriscar, medo de sair da zona de conforto, medo até da possibilidade de sermos estupidamente felizes (até porque já vivemos bem, porquê ambicionar mais). Se excluirmos o medo que existe um cada um de nós, encontramos um infinito número de possibilidades com as quais nem sequer sonhámos. Ninguém nos ensina a lidar com o medo. A vida sim, encarrega-se disso. Mas se pensarmos que o medo é apenas o receio do desconhecido, uma espécie de barreira psicológica, um desafio à nossa capacidade de seguir em frente, tudo parece mais fácil. Sentir medo não é uma escolha, enfrentá-lo sim. E tu? Se não tivesses medo, o que farias?
SHARE:

2 comentários

Carpe Diem disse...

Dava a volta ao mundo :) Neste caso, não é ter medo, mas sim, se o pudesse fazer!

Agridoce disse...

Arriscava.

© Feira de Vaidades. All rights reserved.