Pages

sexta-feira, 4 de julho de 2008


Ontem li um artigo muito interessante acerca das Sarahs. São mulheres independentes, na casa dos 30 que estão sozinhas por opção. Leia-se Single and rich and happy. Dizem não ao casamento embora algumas mantenham relações estáveis, mas em casas separadas ou união de facto. Têm carreiras de sucesso e o casamento não faz parte dos seus dicionários. Gostei do que li, confesso que até achei piada. Mas acho tudo muito moderno para mim. Mas porque é que eu ainda acredito no casamento e naquela história de "na saúde e na doença, na alegria e na tristeza, para todos os dias da nossa vida"? Falam mal do casamento, mas o que é certo é que todos, mais cedo ou mais tarde vão lá parar...
SHARE:

5 comentários

N... disse...

Bem vinda ao clube... Eu também acho que as coisas devem ser como antigamente.

Estas modernices não são para mim.

Bjs

Juani disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Juani disse...

Eu também ainda acredito nisso e preferia que muitas coisas fossem como antes.
Eu não quero ser uma Sarah, prefiro ser uma Marah: Married and Rich and happy. =P

stiletto disse...

Há muitos caminhos para chegar à felicidade. Cada um de nós tem de encontrar o seu :).

wednesday disse...

Ir lá parar não tem de ser mau, mas por resignação é que não!

© Feira de Vaidades. All rights reserved.